Novas receitas

Pesquisa: Operadores positivos nas vendas, expectativas de margem

Pesquisa: Operadores positivos nas vendas, expectativas de margem

As vendas nas mesmas lojas do setor de restaurantes bateram recordes em outubro, de acordo com a última pesquisa NRN-MillerPulse, e os operadores de restaurantes relataram mais otimismo, já que as perspectivas de margem para o curto prazo tornaram-se positivas pela primeira vez em nove meses.

MillerPulse, uma pesquisa de operadora exclusiva do Nation’s Restaurant News, pesquisa cerca de 100 operadoras de restaurante a cada mês sobre vendas, tendências de lucro, desempenho e perspectivas de sentimento. Os respondentes abrangem todas as regiões do país e representam conceitos nos segmentos de jantares casuais, jantares finos, fast-service e fast-casual. Juntos, o grupo de entrevistados geralmente representa restaurantes que reservam cerca de 19% das vendas do setor.

A pesquisa de novembro, que analisa os resultados de outubro, relatou um ganho médio de vendas nas mesmas lojas da indústria de 3 por cento, em comparação com um aumento de 2,9 por cento no mês anterior, e um aumento de 3,7 por cento em outubro do ano passado. O resultado mais recente é a melhor tendência de 2 anos já registrada, com alta de 6,8%, de acordo com o relatório.

“Isso é realmente surpreendente”, disse Larry Miller, analista de valores mobiliários de restaurantes da RBC Capital Markets em Atlanta e criador das pesquisas e pesquisas mensais MillerPulse.

“Este é o melhor mês nos três anos em que estou fazendo isso, especialmente com serviço rápido, e nada na economia ou nos empregos mudou tanto”, disse ele. “Minha sensação é que estamos entrando nas férias e os consumidores estão cansados ​​de ficar deprimidos.”

Miller atribuiu o salto de vendas em todo o setor principalmente a um aumento no tráfego, em oposição a um aumento na média de cheques.

O segmento de serviço rápido, que inclui marcas de fast food e fast-casual, bateu dois recordes em outubro. As vendas nas mesmas lojas aumentaram 3,9% em comparação com 2,9% em setembro, e um aumento de 7,3% em dois anos em outubro superou um aumento de 5,5% em dois anos em setembro, de acordo com a pesquisa.

E enquanto os restaurantes de serviço completo, que incluem os segmentos de jantares casuais e finos, mostraram uma queda nas vendas mesmas lojas de outubro em comparação com setembro, o segmento atingiu uma tendência de vendas recorde de dois anos com um aumento de 6,4 por cento em outubro em comparação com um aumento de 5,1 por cento em setembro.

Em todo o setor, o tráfego de hóspedes ano a ano aumentou 1,4 por cento em outubro, em comparação com resultados relativamente estáveis ​​em setembro. Foi impulsionado por um aumento de 2,7% nos restaurantes de serviço rápido.


5 KPIs de satisfação do cliente que você precisa usar

Dave Clarke 4 min de leitura

O cliente está sempre certo. Certo? Mas será que um cliente que está sempre certo é sempre um cliente satisfeito? Não necessariamente.

Mesmo que você tenha entrado na mentalidade do cliente e esteja ouvindo suas reclamações nas redes sociais (e atendendo às suas necessidades em cada ponto de contato com o cliente), você pode estar perdendo o barco se não estiver prestando atenção aos números por trás de seus esforços .

E na verdade, clientes satisfeitos são a chave para a sustentabilidade e o crescimento de qualquer negócio. Quanto mais satisfeitos seus clientes estiverem, maior será a probabilidade de sua empresa ter sucesso - até seis vezes mais sucesso, na verdade.

Como obter os dados para seus KPIs de satisfação do cliente

Então, como você ou qualquer empresa - Fortune 500 ou loja de esquina - avalia a satisfação do cliente? A resposta é simples e os proprietários e gerentes de empresas fazem isso há séculos: pergunte. Em seguida, pergunte novamente e pergunte um pouco mais.

Você sabe disso como uma pesquisa de satisfação do cliente. Como a satisfação do cliente é uma meta móvel, você deve pesquisar continuamente seus clientes para descobrir o que é necessário para satisfazê-los hoje, amanhã e no dia seguinte. Então você terá os dados de que precisa para descobrir como está se saindo - e como você se compara à concorrência.

Guia de feedback gratuito do cliente
Quer saber mais sobre as maneiras de se aproximar de seus clientes? Obtenha nosso Guia gratuito, “6 Chaves para a Satisfação do Cliente, Lealdade e Amor”.
Confira →

KPIs de satisfação do cliente mais importantes

A satisfação do cliente é um dos muitos indicadores-chave de desempenho (KPIs) que as empresas - sejam com fins lucrativos, sem fins lucrativos, públicas ou privadas - medem rotineiramente. O KPI de satisfação do cliente é como um sinal vital para que o seu negócio o melhore e você melhore a saúde geral do seu empreendimento.

Mas o KPI de satisfação do cliente é composto por vários KPIs. Aqui estão alguns dos KPIs de satisfação do cliente que você precisa medir para garantir que seus clientes mudem de tom:

1. Net Promoter Score (NPS)

Basicamente, o NPS é uma medida de quantos de seus clientes gostam de sua marca o suficiente para recomendá-la (ou promovê-la) a outras pessoas. Se mais pessoas recomendam você do que não, sua pontuação é positiva e geralmente está indo bem. Se uma quantidade igual de promover e não, você tem algum trabalho a fazer para empurrar essa agulha do neutro para a coluna positiva. Se mais pessoas não promovem sua empresa do que fazem, você precisa descobrir o porquê. Afinal, as referências são a melhor forma de publicidade que qualquer empresa pode ter. Crie uma pesquisa NPS para ver sua classificação.

2. Extremamente satisfeito ou muito satisfeito

A porcentagem de clientes que classificam sua experiência com sua marca como "extremamente" ou "muito" satisfeita é outro bom barômetro do desempenho de sua empresa. Se você puder determinar por que essas pessoas estão tão satisfeitas, poderá aplicar essas lições a mais clientes da sua base. A importância de clientes satisfeitos não pode ser subestimada. Eles são mais propensos a serem leais, mais propensos a contar aos outros sobre você e formam uma base de receita a partir da qual você pode construir.

3. Satisfação Geral

Cada empresa gostaria que todos os seus clientes estivessem 100 por cento satisfeitos 100 por cento do tempo - mas isso não é realista. O importante é que esse KPI de satisfação do cliente esteja sempre aumentando. Se seu número de satisfação geral está subindo, você está indo na direção certa. Você pode acompanhar se sua classificação está subindo ou não definindo benchmarks internos. Como? Certifique-se de repetir a mesma pesquisa de satisfação do cliente para que possa comparar cada conjunto de novos resultados com os antigos. Dessa forma, você pode definir metas, apontar áreas problemáticas e fazer melhorias na classificação da satisfação do cliente de maneira inteligente. Embora essa abordagem seja muito útil, não se esqueça de olhar para pontos de contato específicos para descobrir o que está funcionando e o que não está.

4. Externo, Benchmarks do setor

Por falar em benchmarking, também é importante entender a posição de sua marca em comparação com a concorrência. Mesmo as empresas com as melhores classificações apenas acertam em "certo" cerca de 88 por cento das vezes, de modo que todos têm muito espaço para melhorias. Obtenha dados externos de pesquisa de benchmarking para comparar sua marca com seus concorrentes mais próximos.

5. Atributos da marca

Certifique-se de que você e seus clientes estão alinhados quando se trata do que eles esperam de sua empresa. Os clientes veem sua empresa inicial como “única” e “inovadora”? Se não, mas você precisa, você precisa encontrar uma maneira de preencher essa lacuna. Envie uma pesquisa de atributos de marca aos clientes para ter uma ideia de como eles veem sua empresa - para que você possa continuar a trabalhar duro para atender às expectativas deles ou trabalhar mais para mudar a imagem de sua marca. Quando as percepções de sua empresa e de seus clientes sobre seus atributos se alinham, é muito mais provável que você mantenha os clientes satisfeitos e voltando para mais.

É isso! Criar uma pesquisa para medir os KPIs de satisfação do cliente pode ser tão fácil quanto usar um modelo de pesquisa ou ligar para alguns profissionais de pesquisa que podem orientá-lo através do processo para criar uma pesquisa personalizada para suas necessidades.

Como você pode ter certeza de que as pontuações de satisfação do cliente estão aumentando? Você usa diferentes métricas de satisfação do cliente? Dê um grito para nós nos comentários abaixo!


5 KPIs de satisfação do cliente que você precisa usar

Dave Clarke 4 min de leitura

O cliente está sempre certo. Certo? Mas será que um cliente que está sempre certo é sempre um cliente satisfeito? Não necessariamente.

Mesmo que você tenha entrado na mentalidade do cliente e esteja ouvindo suas reclamações nas redes sociais (e atendendo às suas necessidades em cada ponto de contato com o cliente), você pode estar perdendo o barco se não estiver prestando atenção aos números por trás de seus esforços .

E na verdade, clientes satisfeitos são a chave para a sustentabilidade e o crescimento de qualquer negócio. Quanto mais satisfeitos seus clientes estiverem, maior será a probabilidade de sua empresa ter sucesso - até seis vezes mais sucesso, na verdade.

Como obter os dados para seus KPIs de satisfação do cliente

Então, como você ou qualquer empresa - Fortune 500 ou loja de esquina - avalia a satisfação do cliente? A resposta é simples e os proprietários e gerentes de empresas fazem isso há séculos: pergunte. Em seguida, pergunte novamente e pergunte um pouco mais.

Você sabe disso como uma pesquisa de satisfação do cliente. Como a satisfação do cliente é uma meta móvel, você deve pesquisar continuamente seus clientes para descobrir o que é necessário para satisfazê-los hoje, amanhã e no dia seguinte. Então você terá os dados de que precisa para descobrir como está se saindo - e como você se compara à concorrência.

Guia de feedback gratuito do cliente
Quer saber mais sobre as maneiras de se aproximar de seus clientes? Obtenha nosso Guia gratuito, “6 Chaves para a Satisfação do Cliente, Lealdade e Amor”.
Confira →

KPIs de satisfação do cliente mais importantes

A satisfação do cliente é um dos muitos indicadores-chave de desempenho (KPIs) que as empresas - sejam com fins lucrativos, sem fins lucrativos, públicas ou privadas - medem rotineiramente. O KPI de satisfação do cliente é como um sinal vital para que o seu negócio o melhore e você melhore a saúde geral do seu empreendimento.

Mas o KPI de satisfação do cliente é composto por vários KPIs. Aqui estão alguns dos KPIs de satisfação do cliente que você precisa medir para garantir que seus clientes mudem de opinião:

1. Net Promoter Score (NPS)

Basicamente, o NPS é uma medida de quantos de seus clientes gostam de sua marca o suficiente para recomendá-la (ou promovê-la) a outras pessoas. Se mais pessoas recomendam você do que não, sua pontuação é positiva e geralmente está indo bem. Se uma quantidade igual de promover e não, você tem algum trabalho a fazer para empurrar essa agulha do neutro para a coluna positiva. Se mais pessoas não promovem sua empresa do que fazem, você precisa descobrir o porquê. Afinal, as referências são a melhor forma de publicidade que qualquer empresa pode ter. Crie uma pesquisa NPS para ver sua classificação.

2. Extremamente satisfeito ou muito satisfeito

A porcentagem de clientes que classificam sua experiência com sua marca como "extremamente" ou "muito" satisfeita é outro bom barômetro do desempenho de sua empresa. Se você puder determinar por que essas pessoas estão tão satisfeitas, poderá aplicar essas lições a mais clientes da sua base de clientes. A importância de clientes satisfeitos não pode ser subestimada. Eles são mais propensos a serem leais, mais propensos a contar aos outros sobre você, e eles formam uma base de receita que você pode construir.

3. Satisfação Geral

Cada empresa gostaria que todos os seus clientes estivessem 100 por cento satisfeitos 100 por cento do tempo - mas isso não é realista. O importante é que esse KPI de satisfação do cliente esteja sempre aumentando. Se seu número de satisfação geral está subindo, você está indo na direção certa. Você pode acompanhar se sua classificação está subindo ou não definindo benchmarks internos. Como? Certifique-se de repetir a mesma pesquisa de satisfação do cliente para que possa comparar cada conjunto de novos resultados com os antigos. Dessa forma, você pode definir metas, apontar áreas problemáticas e fazer melhorias na classificação da satisfação do cliente de maneira inteligente. Embora essa abordagem seja muito útil, não se esqueça de olhar para pontos de contato específicos para descobrir o que está funcionando e o que não está.

4. Externo, Benchmarks do setor

Por falar em benchmarking, também é importante entender a posição de sua marca em comparação com a concorrência. Mesmo as empresas com as melhores classificações só acertam "certo" cerca de 88 por cento das vezes, então todos têm muito espaço para melhorias. Obtenha dados externos de pesquisa de benchmarking para comparar sua marca com seus concorrentes mais próximos.

5. Atributos da marca

Certifique-se de que você e seus clientes estão alinhados quando se trata do que eles esperam de sua empresa. Os clientes veem sua empresa inicial como “única” e “inovadora”? Se não, mas você precisa, você precisa encontrar uma maneira de preencher essa lacuna. Envie uma pesquisa de atributos de marca aos clientes para ter uma ideia de como eles veem sua empresa - para que você possa continuar a trabalhar duro para atender às expectativas deles ou trabalhar mais para mudar a imagem de sua marca. Quando as percepções de sua empresa e de seus clientes sobre seus atributos se alinham, é muito mais provável que você mantenha os clientes satisfeitos e voltando para mais.

É isso! Criar uma pesquisa para medir os KPIs de satisfação do cliente pode ser tão fácil quanto usar um modelo de pesquisa ou ligar para alguns profissionais de pesquisa que podem orientá-lo através do processo para criar uma pesquisa personalizada para suas necessidades.

Como você pode ter certeza de que as pontuações de satisfação do cliente estão aumentando? Você usa diferentes métricas de satisfação do cliente? Dê um grito para nós nos comentários abaixo!


5 KPIs de satisfação do cliente que você precisa usar

Dave Clarke 4 min de leitura

O cliente está sempre certo. Certo? Mas será que um cliente que está sempre certo é sempre um cliente satisfeito? Não necessariamente.

Mesmo que você tenha entrado na mentalidade do cliente e esteja ouvindo suas reclamações nas redes sociais (e atendendo às suas necessidades em cada ponto de contato com o cliente), você pode estar perdendo o barco se não estiver prestando atenção aos números por trás de seus esforços .

E na verdade, clientes satisfeitos são a chave para a sustentabilidade e o crescimento de qualquer negócio. Quanto mais satisfeitos seus clientes estiverem, maior será a probabilidade de sua empresa ter sucesso - até seis vezes mais sucesso, na verdade.

Como obter os dados para seus KPIs de satisfação do cliente

Então, como você ou qualquer empresa - Fortune 500 ou loja de esquina - avalia a satisfação do cliente? A resposta é simples e os proprietários e gerentes de empresas fazem isso há séculos: pergunte. Em seguida, pergunte novamente e pergunte um pouco mais.

Você sabe disso como uma pesquisa de satisfação do cliente. Como a satisfação do cliente é uma meta móvel, você deve pesquisar continuamente seus clientes para descobrir o que é necessário para satisfazê-los hoje, amanhã e no dia seguinte. Então você terá os dados de que precisa para descobrir como está se saindo - e como você se compara à concorrência.

Guia de feedback gratuito do cliente
Quer saber mais sobre as maneiras de se aproximar de seus clientes? Obtenha nosso Guia gratuito, “6 Chaves para a Satisfação do Cliente, Lealdade e Amor”.
Confira →

KPIs de satisfação do cliente mais importantes

A satisfação do cliente é um dos muitos indicadores-chave de desempenho (KPIs) que as empresas - sejam com fins lucrativos, sem fins lucrativos, públicas ou privadas - medem rotineiramente. O KPI de satisfação do cliente é como um sinal vital para que o seu negócio o melhore e você melhore a saúde geral do seu empreendimento.

Mas o KPI de satisfação do cliente é composto por vários KPIs. Aqui estão alguns dos KPIs de satisfação do cliente que você precisa medir para garantir que seus clientes mudem de opinião:

1. Net Promoter Score (NPS)

Basicamente, o NPS é uma medida de quantos de seus clientes gostam de sua marca o suficiente para recomendá-la (ou promovê-la) a outras pessoas. Se mais pessoas recomendam você do que não, sua pontuação é positiva e geralmente está indo bem. Se uma quantidade igual de promoção e não, você tem algum trabalho a fazer para empurrar essa agulha do neutro para a coluna positiva. Se mais pessoas não promovem sua empresa do que fazem, você precisa descobrir o porquê. Afinal, as referências são a melhor forma de publicidade que qualquer empresa pode ter. Crie uma pesquisa NPS para ver sua classificação.

2. Extremamente satisfeito ou muito satisfeito

A porcentagem de clientes que classificam sua experiência com sua marca como "extremamente" ou "muito" satisfeita é outro bom barômetro do desempenho de sua empresa. Se você puder determinar por que essas pessoas estão tão satisfeitas, poderá aplicar essas lições a mais clientes da sua base. A importância de clientes satisfeitos não pode ser subestimada. Eles são mais propensos a serem leais, mais propensos a contar aos outros sobre você e formam uma base de receita a partir da qual você pode construir.

3. Satisfação Geral

Cada empresa gostaria que todos os seus clientes estivessem 100 por cento satisfeitos 100 por cento do tempo - mas isso não é realista. O importante é que esse KPI de satisfação do cliente esteja sempre aumentando. Se seu número de satisfação geral está subindo, você está indo na direção certa. Você pode acompanhar se sua classificação está subindo ou não definindo benchmarks internos. Como? Certifique-se de repetir a mesma pesquisa de satisfação do cliente para que possa comparar cada conjunto de novos resultados com os antigos. Dessa forma, você pode definir metas, apontar áreas problemáticas e fazer melhorias na classificação da satisfação do cliente de maneira inteligente. Embora essa abordagem seja muito útil, não se esqueça de olhar para pontos de contato específicos para descobrir o que está funcionando e o que não está.

4. Externo, Benchmarks do setor

Por falar em benchmarking, também é importante entender a posição de sua marca em comparação com a concorrência. Mesmo as empresas com as melhores classificações apenas acertam em "certo" cerca de 88 por cento das vezes, de modo que todos têm muito espaço para melhorias. Obtenha dados externos de pesquisa de benchmarking para comparar sua marca com seus concorrentes mais próximos.

5. Atributos da marca

Certifique-se de que você e seus clientes estão alinhados quando se trata do que eles esperam de sua empresa. Os clientes veem sua empresa inicial como “única” e “inovadora”? Se não, mas você precisa, você precisa encontrar uma maneira de preencher essa lacuna. Envie uma pesquisa de atributos de marca aos clientes para ter uma ideia de como eles veem sua empresa - para que você possa continuar a trabalhar duro para atender às expectativas deles ou trabalhar mais para mudar a imagem de sua marca. Quando as percepções de sua empresa e de seus clientes sobre seus atributos se alinham, é muito mais provável que você mantenha os clientes satisfeitos e voltando para mais.

É isso! Criar uma pesquisa para medir os KPIs de satisfação do cliente pode ser tão fácil quanto usar um modelo de pesquisa ou ligar para alguns profissionais de pesquisa que podem orientá-lo através do processo para criar uma pesquisa personalizada para suas necessidades.

Como você pode ter certeza de que as pontuações de satisfação do cliente estão aumentando? Você usa diferentes métricas de satisfação do cliente? Dê um grito para nós nos comentários abaixo!


5 KPIs de satisfação do cliente que você precisa usar

Dave Clarke 4 min de leitura

O cliente está sempre certo. Certo? Mas será que um cliente que está sempre certo é sempre um cliente satisfeito? Não necessariamente.

Mesmo que você tenha entrado na mentalidade do cliente e esteja ouvindo suas reclamações nas redes sociais (e atendendo às suas necessidades em cada ponto de contato com o cliente), você pode estar perdendo o barco se não estiver prestando atenção aos números por trás de seus esforços .

E na verdade, clientes satisfeitos são a chave para a sustentabilidade e o crescimento de qualquer negócio. Quanto mais satisfeitos seus clientes estiverem, maior será a probabilidade de sua empresa ter sucesso - até seis vezes mais sucesso, na verdade.

Como obter os dados para seus KPIs de satisfação do cliente

Então, como você ou qualquer empresa - Fortune 500 ou loja de esquina - avalia a satisfação do cliente? A resposta é simples e os proprietários e gerentes de empresas fazem isso há séculos: pergunte. Em seguida, pergunte novamente e pergunte um pouco mais.

Você sabe disso como uma pesquisa de satisfação do cliente. Como a satisfação do cliente é uma meta móvel, você deve pesquisar continuamente seus clientes para descobrir o que é necessário para satisfazê-los hoje, amanhã e no dia seguinte. Então você terá os dados de que precisa para descobrir como está se saindo - e como você se compara à concorrência.

Guia de feedback gratuito do cliente
Quer saber mais sobre as maneiras de se aproximar de seus clientes? Obtenha nosso Guia gratuito, “6 Chaves para a Satisfação do Cliente, Lealdade e Amor”.
Confira →

KPIs de satisfação do cliente mais importantes

A satisfação do cliente é um dos muitos indicadores-chave de desempenho (KPIs) que as empresas - sejam com fins lucrativos, sem fins lucrativos, públicas ou privadas - medem rotineiramente. O KPI de satisfação do cliente é como um sinal vital para que o seu negócio o melhore e você melhore a saúde geral do seu empreendimento.

Mas o KPI de satisfação do cliente é composto por vários KPIs. Aqui estão alguns dos KPIs de satisfação do cliente que você precisa medir para garantir que seus clientes mudem de opinião:

1. Net Promoter Score (NPS)

Basicamente, o NPS é uma medida de quantos de seus clientes gostam de sua marca o suficiente para recomendá-la (ou promovê-la) a outras pessoas. Se mais pessoas recomendam você do que não, sua pontuação é positiva e geralmente está indo bem. Se uma quantidade igual de promover e não, você tem algum trabalho a fazer para empurrar essa agulha do neutro para a coluna positiva. Se mais pessoas não promovem sua empresa do que fazem, você precisa descobrir o porquê. Afinal, as referências são a melhor forma de publicidade que qualquer empresa pode ter. Crie uma pesquisa NPS para ver sua classificação.

2. Extremamente satisfeito ou muito satisfeito

A porcentagem de clientes que classificam sua experiência com sua marca como "extremamente" ou "muito" satisfeita é outro bom barômetro do desempenho de sua empresa. Se você puder determinar por que essas pessoas estão tão satisfeitas, poderá aplicar essas lições a mais clientes da sua base de clientes. A importância de clientes satisfeitos não pode ser subestimada. Eles são mais propensos a serem leais, mais propensos a contar aos outros sobre você e formam uma base de receita a partir da qual você pode construir.

3. Satisfação Geral

Cada empresa gostaria que todos os seus clientes estivessem 100 por cento satisfeitos 100 por cento do tempo - mas isso não é realista. O importante é que esse KPI de satisfação do cliente esteja sempre aumentando. Se seu número de satisfação geral está subindo, você está indo na direção certa. Você pode acompanhar se sua classificação está subindo ou não definindo benchmarks internos. Como? Certifique-se de repetir a mesma pesquisa de satisfação do cliente para que possa comparar cada conjunto de novos resultados com os antigos. Dessa forma, você pode definir metas, apontar áreas problemáticas e fazer melhorias na classificação de satisfação do cliente de maneira inteligente. Embora essa abordagem seja muito útil, não se esqueça de olhar para pontos de contato específicos para descobrir o que está funcionando e o que não está.

4. Externo, Benchmarks do setor

Por falar em benchmarking, também é importante entender a posição de sua marca em comparação com a concorrência. Mesmo as empresas com as melhores classificações apenas acertam em "certo" cerca de 88 por cento das vezes, de modo que todos têm muito espaço para melhorias. Obtenha dados externos de pesquisa de benchmarking para comparar sua marca com seus concorrentes mais próximos.

5. Atributos da marca

Certifique-se de que você e seus clientes estão alinhados quando se trata do que eles esperam de sua empresa. Os clientes veem sua empresa inicial como “única” e “inovadora”? Se não, mas você precisa, você precisa encontrar uma maneira de preencher essa lacuna. Envie uma pesquisa de atributos de marca aos clientes para ter uma ideia de como eles veem sua empresa - para que você possa continuar a trabalhar duro para atender às expectativas deles ou para mudar a imagem de sua marca. Quando as percepções de sua empresa e de seus clientes sobre seus atributos se alinham, é muito mais provável que você mantenha os clientes satisfeitos e voltando para mais.

É isso! Criar uma pesquisa para medir os KPIs de satisfação do cliente pode ser tão fácil quanto usar um modelo de pesquisa ou ligar para alguns profissionais de pesquisa que podem orientá-lo através do processo para criar uma pesquisa personalizada para suas necessidades.

Como você pode ter certeza de que as pontuações de satisfação do cliente estão aumentando? Você usa diferentes métricas de satisfação do cliente? Dê um grito para nós nos comentários abaixo!


5 KPIs de satisfação do cliente que você precisa usar

Dave Clarke 4 min de leitura

O cliente está sempre certo. Certo? Mas será que um cliente que está sempre certo é sempre um cliente satisfeito? Não necessariamente.

Mesmo que você tenha entrado na mentalidade do cliente e esteja ouvindo suas reclamações nas redes sociais (e atendendo às suas necessidades em cada ponto de contato com o cliente), você pode estar perdendo o barco se não estiver prestando atenção aos números por trás de seus esforços .

E na verdade, clientes satisfeitos são a chave para a sustentabilidade e o crescimento de qualquer negócio. Quanto mais satisfeitos seus clientes estiverem, maior será a probabilidade de sua empresa ter sucesso - até seis vezes mais sucesso, na verdade.

Como obter os dados para seus KPIs de satisfação do cliente

Então, como você ou qualquer empresa - Fortune 500 ou loja de esquina - avalia a satisfação do cliente? A resposta é simples e os proprietários e gerentes de empresas fazem isso há séculos: pergunte. Em seguida, pergunte novamente e pergunte um pouco mais.

Você sabe disso como uma pesquisa de satisfação do cliente. Como a satisfação do cliente é uma meta móvel, você deve pesquisar continuamente seus clientes para descobrir o que é necessário para satisfazê-los hoje, amanhã e no dia seguinte. Então você terá os dados de que precisa para descobrir como está se saindo - e como você se compara à concorrência.

Guia de feedback gratuito do cliente
Quer saber mais sobre as maneiras de se aproximar de seus clientes? Obtenha nosso Guia gratuito, “6 Chaves para a Satisfação do Cliente, Lealdade e Amor”.
Confira →

KPIs de satisfação do cliente mais importantes

A satisfação do cliente é um dos muitos indicadores-chave de desempenho (KPIs) que as empresas - sejam com fins lucrativos, sem fins lucrativos, públicas ou privadas - medem rotineiramente. O KPI de satisfação do cliente é como um sinal vital para que o seu negócio o melhore e você melhore a saúde geral do seu empreendimento.

Mas o KPI de satisfação do cliente é composto por vários KPIs. Aqui estão alguns dos KPIs de satisfação do cliente que você precisa medir para garantir que seus clientes mudem de tom:

1. Net Promoter Score (NPS)

Basicamente, o NPS é uma medida de quantos de seus clientes gostam de sua marca o suficiente para recomendá-la (ou promovê-la) a outras pessoas. Se mais pessoas recomendam você do que não, sua pontuação é positiva e geralmente está indo bem. Se uma quantidade igual de promover e não, você tem algum trabalho a fazer para empurrar essa agulha do neutro para a coluna positiva. Se mais pessoas não promovem sua empresa do que fazem, você precisa descobrir o porquê. Afinal, as referências são a melhor forma de publicidade que qualquer empresa pode ter. Crie uma pesquisa NPS para ver sua classificação.

2. Extremamente satisfeito ou muito satisfeito

A porcentagem de clientes que classificam sua experiência com sua marca como "extremamente" ou "muito" satisfeita é outro bom barômetro do desempenho de sua empresa. Se você puder determinar por que essas pessoas estão tão satisfeitas, poderá aplicar essas lições a mais clientes da sua base de clientes. A importância de clientes satisfeitos não pode ser subestimada. Eles são mais propensos a serem leais, mais propensos a contar aos outros sobre você e formam uma base de receita a partir da qual você pode construir.

3. Satisfação Geral

Cada empresa gostaria que todos os seus clientes estivessem 100 por cento satisfeitos 100 por cento do tempo - mas isso não é realista. O importante é que esse KPI de satisfação do cliente esteja sempre aumentando. Se seu número de satisfação geral está subindo, você está indo na direção certa. Você pode acompanhar se sua classificação está subindo ou não definindo benchmarks internos. Como? Certifique-se de repetir a mesma pesquisa de satisfação do cliente para que possa comparar cada conjunto de novos resultados com os antigos. Dessa forma, você pode definir metas, apontar áreas problemáticas e fazer melhorias na classificação da satisfação do cliente de maneira inteligente. Embora essa abordagem seja muito útil, não se esqueça de olhar para pontos de contato específicos para descobrir o que está funcionando e o que não está.

4. Externo, Benchmarks do setor

Por falar em benchmarking, também é importante entender a posição de sua marca em comparação com a concorrência. Mesmo as empresas com as melhores classificações apenas acertam em "certo" cerca de 88 por cento das vezes, de modo que todos têm muito espaço para melhorias. Obtenha dados externos de pesquisa de benchmarking para comparar sua marca com seus concorrentes mais próximos.

5. Atributos da marca

Certifique-se de que você e seus clientes estão alinhados quando se trata do que eles esperam de sua empresa. Os clientes veem sua empresa inicial como “única” e “inovadora”? Se não, mas você precisa, você precisa encontrar uma maneira de preencher essa lacuna. Envie uma pesquisa de atributos de marca aos clientes para ter uma ideia de como eles veem sua empresa - para que você possa continuar a trabalhar duro para atender às expectativas deles ou trabalhar mais para mudar a imagem de sua marca. Quando as percepções de sua empresa e de seus clientes sobre seus atributos se alinham, é muito mais provável que você mantenha os clientes satisfeitos e voltando para mais.

É isso! Criar uma pesquisa para medir os KPIs de satisfação do cliente pode ser tão fácil quanto usar um modelo de pesquisa ou ligar para alguns profissionais de pesquisa que podem orientá-lo através do processo para criar uma pesquisa personalizada para suas necessidades.

Como você pode ter certeza de que as pontuações de satisfação do cliente estão aumentando? Você usa diferentes métricas de satisfação do cliente? Dê um grito para nós nos comentários abaixo!


5 KPIs de satisfação do cliente que você precisa usar

Dave Clarke 4 min de leitura

O cliente está sempre certo. Certo? Mas será que um cliente que está sempre certo é sempre um cliente satisfeito? Não necessariamente.

Mesmo que você tenha entrado na mentalidade do cliente e esteja ouvindo suas reclamações nas redes sociais (e atendendo às suas necessidades em cada ponto de contato com o cliente), você pode estar perdendo o barco se não estiver prestando atenção aos números por trás de seus esforços .

E na verdade, clientes satisfeitos são a chave para a sustentabilidade e o crescimento de qualquer negócio. Quanto mais satisfeitos seus clientes estiverem, maior será a probabilidade de sua empresa ter sucesso - até seis vezes mais sucesso, na verdade.

Como obter os dados para seus KPIs de satisfação do cliente

Então, como você ou qualquer empresa - Fortune 500 ou loja de esquina - avalia a satisfação do cliente? A resposta é simples e os proprietários e gerentes de empresas fazem isso há séculos: pergunte. Em seguida, pergunte novamente e pergunte um pouco mais.

Você sabe disso como uma pesquisa de satisfação do cliente. Como a satisfação do cliente é uma meta móvel, você deve pesquisar continuamente seus clientes para descobrir o que é necessário para satisfazê-los hoje, amanhã e no dia seguinte. Então você terá os dados de que precisa para descobrir como está se saindo - e como você se compara à concorrência.

Guia de feedback gratuito do cliente
Quer saber mais sobre as maneiras de se aproximar de seus clientes? Obtenha nosso Guia gratuito, “6 Chaves para a Satisfação do Cliente, Lealdade e Amor”.
Confira →

KPIs de satisfação do cliente mais importantes

A satisfação do cliente é um dos muitos indicadores-chave de desempenho (KPIs) que as empresas - sejam com fins lucrativos, sem fins lucrativos, públicas ou privadas - medem rotineiramente. O KPI de satisfação do cliente é como um sinal vital para que o seu negócio o melhore e você melhore a saúde geral do seu empreendimento.

Mas o KPI de satisfação do cliente é composto por vários KPIs. Here are some of the customer satisfaction KPIs you need to measure to make sure your customers change their tune:

1. Net Promoter Score (NPS)

Basically, NPS is a measure of how many of your customers like your brand enough to recommend (or promote) it to others. If more people recommend you than not, you’re score is positive and generally doing well. If an equal amount promote as do not, you’ve got some work to do to push that needle from neutral into the plus column. If more people don’t promote your business than do, you need to find out why. Referrals, after all, are the best form of advertising any enterprise can have. Create an NPS survey to see where you rank.

2. Extremely Satisfied or Very Satisfied

The percent of customers who rate their experience with your brand as “extremely” or “very” satisfied is another good barometer of your business’s performance. If you can determine why these people are so satisfied, you can apply those lessons to more of your customer base. The importance of satisfied customers can’t be understated. They’re more likely to be loyal, more likely to tell others about you, and they form a revenue base you can build on.

3. Overall Satisfaction

Every business would like all of its customers 100 percent satisfied 100 percent of the time–but that’s not realistic. What’s important is that this customer satisfaction KPI should always be rising. If you’re overall satisfaction number is going up, you’re headed in the right direction. You can track whether or not your rating is going up by setting internal benchmarks. Como? Make sure you’re repeating the same customer satisfaction survey so you can measure each set of new results against the old. That way, you can set goals, target problem areas, and make improvements to your customer satisfaction rating the smart way. While this approach is super useful, don’t forget to look at specific touchpoints to figure out what’s working and what’s not.

4. External, Industry Benchmarks

Speaking of benchmarking, it’s also important to understand where your brand stands compared to the competition. Even the highest-rated companies only get it ‘right’ about 88 percent of the time, so everybody has plenty of room for improvement. Get external benchmarking survey data to compare your brand to your closest competitors.

5. Brand Attributes

Make sure you and your customers are on the same page when it comes to what they expect from your company. Do customers see your startup company as “unique” and “innovative”? If they don’t, but you do, you need to find a way to bridge that gap. Send a brand attributes survey to customers to get a sense of how they view your company—so you can continue to work hard to meet their expectations or work harder to change your brand image. When your company’s and your customers’ perceptions of your attributes align, you’re much more likely to keep customers happy and coming back for more.

É isso! Creating a survey to measure your customer satisfaction KPIs can be as easy as using a survey template or calling on some survey professionals who can guide you through the process to create a survey customized for your needs.

How do you make sure your customer satisfaction scores are on the rise? Do you use different customer satisfaction metrics? Give us a shout in the comments below!


5 customer satisfaction KPIs you need to use

Dave Clarke 4 min read

The customer is always right. Right? But is a customer who is always right always a satisfied customer? Não necessariamente.

Even if you’ve gotten into the customer mindset and you’re listening to their complaints on social media (and meeting their needs at every customer touchpoint) you may be missing the boat if you’re not paying attention to the numbers behind your efforts.

And when it comes right down to it, satisfied customers are the key to sustainability and growth for any business. The more satisfied your customers are, the more likely your company will be successful–as much as six times more successful, in fact.

How to get the data for your customer satisfaction KPIs

So how do you, or for that matter, any business–Fortune 500 or corner store–gauge customer satisfaction? The answer is simple and business owners and managers have been doing it for centuries: Ask. Then, ask again, and ask some more.

You know it as a customer satisfaction survey. Because customer satisfaction is a moving target, you must continually survey your customers to find out what it takes to satisfy them today, tomorrow, and the next day. Then you’ll have the data you need to figure out how you’re doing–and how you stack up against the competition.

Free Customer Feedback Guide
Want to learn more about ways to get close to your customers? Get our free Guide, “6 Keys to Customer Satisfaction, Loyalty & Love.”
Check it out →

Most important customer satisfaction KPIs

Customer satisfaction is one of many key performance indicators (KPIs) that enterprises–whether for-profit, nonprofit, public, or private–routinely measure. Your customer satisfaction KPI is like a vital sign for your business improve it and you improve the overall health of your venture.

But the customer satisfaction KPI is itself comprised of several KPIs. Here are some of the customer satisfaction KPIs you need to measure to make sure your customers change their tune:

1. Net Promoter Score (NPS)

Basically, NPS is a measure of how many of your customers like your brand enough to recommend (or promote) it to others. If more people recommend you than not, you’re score is positive and generally doing well. If an equal amount promote as do not, you’ve got some work to do to push that needle from neutral into the plus column. If more people don’t promote your business than do, you need to find out why. Referrals, after all, are the best form of advertising any enterprise can have. Create an NPS survey to see where you rank.

2. Extremely Satisfied or Very Satisfied

The percent of customers who rate their experience with your brand as “extremely” or “very” satisfied is another good barometer of your business’s performance. If you can determine why these people are so satisfied, you can apply those lessons to more of your customer base. The importance of satisfied customers can’t be understated. They’re more likely to be loyal, more likely to tell others about you, and they form a revenue base you can build on.

3. Overall Satisfaction

Every business would like all of its customers 100 percent satisfied 100 percent of the time–but that’s not realistic. What’s important is that this customer satisfaction KPI should always be rising. If you’re overall satisfaction number is going up, you’re headed in the right direction. You can track whether or not your rating is going up by setting internal benchmarks. Como? Make sure you’re repeating the same customer satisfaction survey so you can measure each set of new results against the old. That way, you can set goals, target problem areas, and make improvements to your customer satisfaction rating the smart way. While this approach is super useful, don’t forget to look at specific touchpoints to figure out what’s working and what’s not.

4. External, Industry Benchmarks

Speaking of benchmarking, it’s also important to understand where your brand stands compared to the competition. Even the highest-rated companies only get it ‘right’ about 88 percent of the time, so everybody has plenty of room for improvement. Get external benchmarking survey data to compare your brand to your closest competitors.

5. Brand Attributes

Make sure you and your customers are on the same page when it comes to what they expect from your company. Do customers see your startup company as “unique” and “innovative”? If they don’t, but you do, you need to find a way to bridge that gap. Send a brand attributes survey to customers to get a sense of how they view your company—so you can continue to work hard to meet their expectations or work harder to change your brand image. When your company’s and your customers’ perceptions of your attributes align, you’re much more likely to keep customers happy and coming back for more.

É isso! Creating a survey to measure your customer satisfaction KPIs can be as easy as using a survey template or calling on some survey professionals who can guide you through the process to create a survey customized for your needs.

How do you make sure your customer satisfaction scores are on the rise? Do you use different customer satisfaction metrics? Give us a shout in the comments below!


5 customer satisfaction KPIs you need to use

Dave Clarke 4 min read

The customer is always right. Right? But is a customer who is always right always a satisfied customer? Não necessariamente.

Even if you’ve gotten into the customer mindset and you’re listening to their complaints on social media (and meeting their needs at every customer touchpoint) you may be missing the boat if you’re not paying attention to the numbers behind your efforts.

And when it comes right down to it, satisfied customers are the key to sustainability and growth for any business. The more satisfied your customers are, the more likely your company will be successful–as much as six times more successful, in fact.

How to get the data for your customer satisfaction KPIs

So how do you, or for that matter, any business–Fortune 500 or corner store–gauge customer satisfaction? The answer is simple and business owners and managers have been doing it for centuries: Ask. Then, ask again, and ask some more.

You know it as a customer satisfaction survey. Because customer satisfaction is a moving target, you must continually survey your customers to find out what it takes to satisfy them today, tomorrow, and the next day. Then you’ll have the data you need to figure out how you’re doing–and how you stack up against the competition.

Free Customer Feedback Guide
Want to learn more about ways to get close to your customers? Get our free Guide, “6 Keys to Customer Satisfaction, Loyalty & Love.”
Check it out →

Most important customer satisfaction KPIs

Customer satisfaction is one of many key performance indicators (KPIs) that enterprises–whether for-profit, nonprofit, public, or private–routinely measure. Your customer satisfaction KPI is like a vital sign for your business improve it and you improve the overall health of your venture.

But the customer satisfaction KPI is itself comprised of several KPIs. Here are some of the customer satisfaction KPIs you need to measure to make sure your customers change their tune:

1. Net Promoter Score (NPS)

Basically, NPS is a measure of how many of your customers like your brand enough to recommend (or promote) it to others. If more people recommend you than not, you’re score is positive and generally doing well. If an equal amount promote as do not, you’ve got some work to do to push that needle from neutral into the plus column. If more people don’t promote your business than do, you need to find out why. Referrals, after all, are the best form of advertising any enterprise can have. Create an NPS survey to see where you rank.

2. Extremely Satisfied or Very Satisfied

The percent of customers who rate their experience with your brand as “extremely” or “very” satisfied is another good barometer of your business’s performance. If you can determine why these people are so satisfied, you can apply those lessons to more of your customer base. The importance of satisfied customers can’t be understated. They’re more likely to be loyal, more likely to tell others about you, and they form a revenue base you can build on.

3. Overall Satisfaction

Every business would like all of its customers 100 percent satisfied 100 percent of the time–but that’s not realistic. What’s important is that this customer satisfaction KPI should always be rising. If you’re overall satisfaction number is going up, you’re headed in the right direction. You can track whether or not your rating is going up by setting internal benchmarks. Como? Make sure you’re repeating the same customer satisfaction survey so you can measure each set of new results against the old. That way, you can set goals, target problem areas, and make improvements to your customer satisfaction rating the smart way. While this approach is super useful, don’t forget to look at specific touchpoints to figure out what’s working and what’s not.

4. External, Industry Benchmarks

Speaking of benchmarking, it’s also important to understand where your brand stands compared to the competition. Even the highest-rated companies only get it ‘right’ about 88 percent of the time, so everybody has plenty of room for improvement. Get external benchmarking survey data to compare your brand to your closest competitors.

5. Brand Attributes

Make sure you and your customers are on the same page when it comes to what they expect from your company. Do customers see your startup company as “unique” and “innovative”? If they don’t, but you do, you need to find a way to bridge that gap. Send a brand attributes survey to customers to get a sense of how they view your company—so you can continue to work hard to meet their expectations or work harder to change your brand image. When your company’s and your customers’ perceptions of your attributes align, you’re much more likely to keep customers happy and coming back for more.

É isso! Creating a survey to measure your customer satisfaction KPIs can be as easy as using a survey template or calling on some survey professionals who can guide you through the process to create a survey customized for your needs.

How do you make sure your customer satisfaction scores are on the rise? Do you use different customer satisfaction metrics? Give us a shout in the comments below!


5 customer satisfaction KPIs you need to use

Dave Clarke 4 min read

The customer is always right. Right? But is a customer who is always right always a satisfied customer? Não necessariamente.

Even if you’ve gotten into the customer mindset and you’re listening to their complaints on social media (and meeting their needs at every customer touchpoint) you may be missing the boat if you’re not paying attention to the numbers behind your efforts.

And when it comes right down to it, satisfied customers are the key to sustainability and growth for any business. The more satisfied your customers are, the more likely your company will be successful–as much as six times more successful, in fact.

How to get the data for your customer satisfaction KPIs

So how do you, or for that matter, any business–Fortune 500 or corner store–gauge customer satisfaction? The answer is simple and business owners and managers have been doing it for centuries: Ask. Then, ask again, and ask some more.

You know it as a customer satisfaction survey. Because customer satisfaction is a moving target, you must continually survey your customers to find out what it takes to satisfy them today, tomorrow, and the next day. Then you’ll have the data you need to figure out how you’re doing–and how you stack up against the competition.

Free Customer Feedback Guide
Want to learn more about ways to get close to your customers? Get our free Guide, “6 Keys to Customer Satisfaction, Loyalty & Love.”
Check it out →

Most important customer satisfaction KPIs

Customer satisfaction is one of many key performance indicators (KPIs) that enterprises–whether for-profit, nonprofit, public, or private–routinely measure. Your customer satisfaction KPI is like a vital sign for your business improve it and you improve the overall health of your venture.

But the customer satisfaction KPI is itself comprised of several KPIs. Here are some of the customer satisfaction KPIs you need to measure to make sure your customers change their tune:

1. Net Promoter Score (NPS)

Basically, NPS is a measure of how many of your customers like your brand enough to recommend (or promote) it to others. If more people recommend you than not, you’re score is positive and generally doing well. If an equal amount promote as do not, you’ve got some work to do to push that needle from neutral into the plus column. If more people don’t promote your business than do, you need to find out why. Referrals, after all, are the best form of advertising any enterprise can have. Create an NPS survey to see where you rank.

2. Extremely Satisfied or Very Satisfied

The percent of customers who rate their experience with your brand as “extremely” or “very” satisfied is another good barometer of your business’s performance. If you can determine why these people are so satisfied, you can apply those lessons to more of your customer base. The importance of satisfied customers can’t be understated. They’re more likely to be loyal, more likely to tell others about you, and they form a revenue base you can build on.

3. Overall Satisfaction

Every business would like all of its customers 100 percent satisfied 100 percent of the time–but that’s not realistic. What’s important is that this customer satisfaction KPI should always be rising. If you’re overall satisfaction number is going up, you’re headed in the right direction. You can track whether or not your rating is going up by setting internal benchmarks. Como? Make sure you’re repeating the same customer satisfaction survey so you can measure each set of new results against the old. That way, you can set goals, target problem areas, and make improvements to your customer satisfaction rating the smart way. While this approach is super useful, don’t forget to look at specific touchpoints to figure out what’s working and what’s not.

4. External, Industry Benchmarks

Speaking of benchmarking, it’s also important to understand where your brand stands compared to the competition. Even the highest-rated companies only get it ‘right’ about 88 percent of the time, so everybody has plenty of room for improvement. Get external benchmarking survey data to compare your brand to your closest competitors.

5. Brand Attributes

Make sure you and your customers are on the same page when it comes to what they expect from your company. Do customers see your startup company as “unique” and “innovative”? If they don’t, but you do, you need to find a way to bridge that gap. Send a brand attributes survey to customers to get a sense of how they view your company—so you can continue to work hard to meet their expectations or work harder to change your brand image. When your company’s and your customers’ perceptions of your attributes align, you’re much more likely to keep customers happy and coming back for more.

É isso! Creating a survey to measure your customer satisfaction KPIs can be as easy as using a survey template or calling on some survey professionals who can guide you through the process to create a survey customized for your needs.

How do you make sure your customer satisfaction scores are on the rise? Do you use different customer satisfaction metrics? Give us a shout in the comments below!


5 customer satisfaction KPIs you need to use

Dave Clarke 4 min read

The customer is always right. Right? But is a customer who is always right always a satisfied customer? Não necessariamente.

Even if you’ve gotten into the customer mindset and you’re listening to their complaints on social media (and meeting their needs at every customer touchpoint) you may be missing the boat if you’re not paying attention to the numbers behind your efforts.

And when it comes right down to it, satisfied customers are the key to sustainability and growth for any business. The more satisfied your customers are, the more likely your company will be successful–as much as six times more successful, in fact.

How to get the data for your customer satisfaction KPIs

So how do you, or for that matter, any business–Fortune 500 or corner store–gauge customer satisfaction? The answer is simple and business owners and managers have been doing it for centuries: Ask. Then, ask again, and ask some more.

You know it as a customer satisfaction survey. Because customer satisfaction is a moving target, you must continually survey your customers to find out what it takes to satisfy them today, tomorrow, and the next day. Then you’ll have the data you need to figure out how you’re doing–and how you stack up against the competition.

Free Customer Feedback Guide
Want to learn more about ways to get close to your customers? Get our free Guide, “6 Keys to Customer Satisfaction, Loyalty & Love.”
Check it out →

Most important customer satisfaction KPIs

Customer satisfaction is one of many key performance indicators (KPIs) that enterprises–whether for-profit, nonprofit, public, or private–routinely measure. Your customer satisfaction KPI is like a vital sign for your business improve it and you improve the overall health of your venture.

But the customer satisfaction KPI is itself comprised of several KPIs. Here are some of the customer satisfaction KPIs you need to measure to make sure your customers change their tune:

1. Net Promoter Score (NPS)

Basically, NPS is a measure of how many of your customers like your brand enough to recommend (or promote) it to others. If more people recommend you than not, you’re score is positive and generally doing well. If an equal amount promote as do not, you’ve got some work to do to push that needle from neutral into the plus column. If more people don’t promote your business than do, you need to find out why. Referrals, after all, are the best form of advertising any enterprise can have. Create an NPS survey to see where you rank.

2. Extremely Satisfied or Very Satisfied

The percent of customers who rate their experience with your brand as “extremely” or “very” satisfied is another good barometer of your business’s performance. If you can determine why these people are so satisfied, you can apply those lessons to more of your customer base. The importance of satisfied customers can’t be understated. They’re more likely to be loyal, more likely to tell others about you, and they form a revenue base you can build on.

3. Overall Satisfaction

Every business would like all of its customers 100 percent satisfied 100 percent of the time–but that’s not realistic. What’s important is that this customer satisfaction KPI should always be rising. If you’re overall satisfaction number is going up, you’re headed in the right direction. You can track whether or not your rating is going up by setting internal benchmarks. Como? Make sure you’re repeating the same customer satisfaction survey so you can measure each set of new results against the old. That way, you can set goals, target problem areas, and make improvements to your customer satisfaction rating the smart way. While this approach is super useful, don’t forget to look at specific touchpoints to figure out what’s working and what’s not.

4. External, Industry Benchmarks

Speaking of benchmarking, it’s also important to understand where your brand stands compared to the competition. Even the highest-rated companies only get it ‘right’ about 88 percent of the time, so everybody has plenty of room for improvement. Get external benchmarking survey data to compare your brand to your closest competitors.

5. Brand Attributes

Make sure you and your customers are on the same page when it comes to what they expect from your company. Do customers see your startup company as “unique” and “innovative”? If they don’t, but you do, you need to find a way to bridge that gap. Send a brand attributes survey to customers to get a sense of how they view your company—so you can continue to work hard to meet their expectations or work harder to change your brand image. When your company’s and your customers’ perceptions of your attributes align, you’re much more likely to keep customers happy and coming back for more.

É isso! Creating a survey to measure your customer satisfaction KPIs can be as easy as using a survey template or calling on some survey professionals who can guide you through the process to create a survey customized for your needs.

How do you make sure your customer satisfaction scores are on the rise? Do you use different customer satisfaction metrics? Give us a shout in the comments below!